reflexão

Reflexão: Uma vida minimalista

20:04

acho que lá vem textão...

Há muito tempo, venho refletindo sobre meu estilo de vida e durante tantas pesquisas que fiz percebi que me enquadro em um estilo que está começando a ser bastante falado: o estilo minimalista.


Para você que está buscando saber mais sobre o minimalismo ou caiu aqui de paraquedas (rs). O minimalismo é:

muito mais do que uma preferência estética. É um modo de levar a vida se livrando dos excessos e focando no que é importante para você.

Não há uma definição exata mas é a forma que entendi e resolvi resumir. 

Estou numa fase muito reflexiva e questionadora há algum tempo. Desde que viajei para Paris e Londres ano passado nunca pensei que uma viagem pudesse ser tão transformadora, dizem que uma viagem faz você trocar a roupa da alma e que depois você nunca mais é o mesmo. Essa foi minha primeira grande viagem dos sonhos (as outras mais distantes foram pelo Brasil mesmo: São Paulo e Rio) e na verdade achava uma bobagem, afinal "como alguns dias mudam alguém? Isso é bobagem das pessoas para justificar uma viagem" eu pensava... e pensava que finalmente daria essa justificativa para viajar mais kkkk

Acontece que fui percebendo o quanto eu estava feliz só de estar ali realizando um dos meus grandes sonhos e percebi também que não sentia nenhuma vontade de consumir! Tinha optado por ficar 5 dias em Londres do que ter mais dinheiro para gastar com coisas. Eu sabia que se economizasse na viagem conseguia comprar algumas coisas. Mas aqueles momentos me preenchiam totalmente e com a grana que sobrou comprei presentes para as pessoas de casa.


A viagem foi logo no começo do casamento, e tínhamos só o essencial na casa percebi o quanto morar um apê pequeno fazia que não acumulasse tanta coisa desnecessária. Achei isso bom e ponto.

Com o Curso se aproximando do término, cada vez mais pensava no que queria para o meu futuro e o que era sucesso para mim, especificamente, na vida profissional. 

Essas reflexões ficaram em stand by até um mês antes de concluir o curso esse ano. Sentia uma necessidade de mudança, de produzir mais, de não ter essa sensação de perca de tempo... enfim.
Me peguei pesquisando muitas coisas sobre produzir mais, como começar uma vida mais organizada e simplificada...e de repente, estava lendo sobre minimalismo como estilo de vida. Por coincidência, soube que uma amiga estava sem redes sociais e liguei para ela. Conversamos mais de uma hora por telefone (não sei vocês mas faz mais de uma década que não falava esse tempo com alguém!), ela contou que estava saturada de perder tanto tempo olhando coisas na timeline das pessoas e resolveu ter uma atitude mais radical apenas como um detox (estava há três semanas). Falou que incrivelmente, estava menos ansiosa para ficar olhando o celular, que não ficava até a madrugada olhando o aparelho antes de dormir e que leu os livros que não conseguia terminar nunca por "falta de tempo". Falamos sobre muitos assuntos que inconscientemente ela já adotava mesmo sem saber que tem um nome que define esse estilo.

Mesmo sem ela saber foi um incentivo que faltava para dar o primeiro passo.

Parei para refletir em tudo que para mim é essencial e o que é superfluo;
O que queria, que é mais produtividade, menos procrastinação...
Identifiquei o que me faz perder tempo, que principalmente, eram as redes sociais.



Comecei um verdadeiro detox de várias coisas, queria me sentir mais organizada e começar realmente do zero. Sentia que precisava disso!

1. Roupas:
Sempre fiz aquela limpa no armário com o objetivo de organizar e doar. Tinha feito uma limpeza há dois meses e retirado umas duas sacolas. Fiquei impressionada pois tirei duas sacolas maiores no atual detox. Você pode se questionar como isso é possível... acontece que não comprei mais duas sacolas de roupas neste período. Simplesmente, adotei uma nova estratégia para me livrar. Realmente, desapegar daquelas roupas que cabem mas não representa mais o que quero usar. O que acontece é que deixamos várias roupas no armário mas usamos apenas aquelas que mais gostamos. Tirei tudo sem dó, uma parte já doei e outra está organizada para doar. Inclusive, tirei roupas de frio pois aqui não é exagerado. Fiquei apenas com o cardigã que uso quando a temperatura dá aquela baixada...

2. Maquiagem:
Na verdade, nunca fui de ter muita maquiagem mas aqui entra uma confissão: ficava triste por não ter tantas assim, queria aquelas bem blogueira/youtuber sabe? Quando me dava essa vontade me sentia mal pois sou muito grata por tudo que tenho, às vezes, me sentia bem ridícula por pensar assim. Quem é minimalista, pode sim ter muitas maquiagens se forem essas que a deixem feliz mas no meu caso não era assim. Era mais sei lá, por #todomundoter mesmo haha.
Arrumando tudo é que caiu a ficha da leseira que é pois no meu caso sempre uso as mesmas. É impossível, dar conta de três bases, sete batons vermelhos por uma coisa simples: Eles vencem. Joguei muitos fora pois passaram da validade! Joguei fora o que passou da validade, usei as bases que já estavam usadas e comecei a usar a base nova. A regra que me impus é simples: Só compro outra quando essa tiver perto de acabar. O mesmo vale para todas as outras.
Fiz um espelho-camarim quando me mudei mas ele não foi grande devido ao espaço, hoje vejo que foi melhor assim. O espaço que tenho hoje satisfaz minhas necessidades.

3. Calçados, acessórios e bolsas.
O mesmo para o item acima, mesmo nunca acumulando tanto me livrei de vários. Ficou até um espaço "estranho" no guarda-roupa. É incrível como achamos que temos pouca coisa e quando vamos fazer a varredura percebemos que só acumulamos mesmo...

4. Documentos
Esse foi o resultado...só da escrivaninha. :X

Chocada! Em 1 ano e meio de casada não imaginava que esse ia ser o resultado apenas da escrivaninha. Notas fiscais de alimentação, anotações aleatórias, documentos que não vão servir mais para nada! E eu achando que por ser apartamento pequeno ia conseguir não acumular. Foi libertador! Agora o desafio é manter assim.

5.PC e pen drives
A parte mais difícil! Mais que as roupas. Quem tem o hábito de deixar tudo em pastinhas desde sempre Parabéns. Fui reorganizar TUDO! Inclusive, juntei conteúdos de pastas que estavam em dois pen drives diferentes. Apaguei muitaaa coisa! Sabe aquelas fotos que fazemos uns quatro cliques e que são todas iguais e clicamos "para garantir"? Até as repetidas apaguei. No final, só me perguntei "Porque não fiz isso antes?"

6. Mídias sociais
O mais polêmico! Eu fiz uma varredura nas minhas mídias sociais. Apaguei sem dó perfis que comecei a seguir a sei lá, uns três anos, mas que nunca mais nem apareceu no meu feed porque estava seguindo muita gente e nunca via. Seguia muitos perfis de casamento, mas isso não reflete mais o que quero ver então apaguei... e assim por diante. Seguia pessoas que nem lembrava mais de onde as conhecia :X Também fiz uma limpeza no perfil profissional pois seguia muitas pessoas de forma repetida.

Por fim, o desafio agora é manter esse hábito. Em relação as redes sociais, não as exclui pois é uma ferramenta de trabalho. Comecei a me policiar e a cronometrar quando começo a mexer para não ficar mais de 15 minutos. Criei o "desafio" de usar apenas depois que concluir uma tarefa. Faço a checklist de tudo que tenho que fazer no dia, quando termino determinada tarefa e risco da listinha dou uma mexida olho se tem algo importante e pronto.
Já vi resultados que não esperava e até me surpreendi. Estou produzindo três a quatro vezes mais que antes e bem menos ansiosa para mexer no celular. Antes estava deixando na sala pois teria que levantar para pegá-lo, agora ele está aqui do meu lado e ainda não mexi ( Afinal, quero que eu o domine e não ele a mim) pois o objetivo foi escrever esse post como um diário dessa rotina que quero. Uma tática que funcionou também foi tirar as notificações que aparecem na tela e que nos dá aquela vontade de só conferir, logo estamos mexendo nas mídias sociais e ai já viu...

Na mesma semana que fiz o detox teve o jantar de noivado da minha prima. Não peguei no celular para conferir as mídias sociais em nenhum segundo e fiquei orgulhosa disso. Realmente vivi cada momento. Não quero mais ir aos finais de semana para casa dos meus pais e ficar mexendo no celular enquanto minha mãe fala alguma coisa (ela já reclamou disso)...

 O desafio é evoluir cada vez mais e postar aqui como esse estilo de vida está sendo para mim.

Está vivendo um momento assim? Fala comigo aqui nos comentários :)

+++

Blog legal sobre minimalismo: Fê liz com a vida

No Youtube: 
Elisa Langsch
Mariele Mallman
Simplease - Luana Burigo


Você também pode gostar de:

0 comentários

Obrigada por sua opinião,é essa troca que torna o blog cada dia melhor..=)

Deixe seu link, junto com sua mensagem para que eu possa conhecer seu blog =D.

E para quem não tem respondo por aqui,ok?

BJS, Luzi.

P.S.:Os comentários são moderados.

Projeto

CURTA